quarta-feira, 19 de maio de 2010

Quer ser mais feliz?


Valorize o que você tem inclusive as pequenas coisas e use todos os recursos disponíveis e todo seu potencial para se transformar numa pessoa de sucesso em tudo que faz.

Na política, quando um candidato quer ganhar as eleições, é preciso que fale sobre o que deseja fazer, esteja disponível e declare intenções de ser um vencedor.

Da mesma maneira deve ser com você: estar disposto e declarar que vencer é a sua intenção a partir de AGORA.

Para isso, coloco algumas dicas práticas:

- Escreva um e-mail ou uma carta para você, demonstrando o quanto se acha especial (não comece criticando, faça primeiro);

- Tire férias pelo menos uma vez por ano (todo mundo precisa relaxar, ao menos uma vez por ano);

- Economize (gaste apenas o que pode gastar);

- Tire uma tarde, pelo menos uma vez por mês para passear, ir ao cinema, teatro, exposição, show....enfim esta tarde será sua (e será ÓTIMA);

- Faça um check-up. Pense mais na saúde do que na doença (Os resultados a longo prazo serão fantásticos);

- Afaste-se das pessoas negativas (pense o que elas acrescentam na sua vida?);

- Cuide do seu visual, perfume-se e coloque uma roupa que goste (a sua expressão irá mudar – experimente);

- Mantenha uma foto de sua infância ao seu alcance e diariamente declare que protegerá aquela criança para sempre! (Afinal quem é a pessoa mais importante do mundo?)

Quem experimenta o sabor do sucesso experimenta o fracasso. Dependendo de sua reação ao fracasso, ele tanto pode fazer você atolar como levá-lo adiante.

“O fracasso pode servir de trampolim para o sucesso”, diz John Maxwell, guru americano na área de liderança, no livro A Jornada do Sucesso.

As pessoas bem sucedidas não se deixam abalar por falhas.

Eis os conselhos de Maxwell para ajudá-lo a encarar os fracassos de maneira positiva:

1. Aprecie o valor do fracasso.: Soichiro Honda, fundador da Honda, dizia: “Muitos sonham com o sucesso.Para mim, o sucesso só pode ser alcançado por meio de fracassos sucessivos.”

2. Não considere o fracasso como algo pessoal.: Há uma enorme diferença entre “eu falhei” e “eu sou um fracasso”

3. Deixe que a falha redirecione seu caminho.: “Se você está sempre dando com a cara na parece, procure uma porta”, diz Maxwell.

4. Mantenha o senso de humor.: Quando tudo mais falhar, ria.

5. Pergunte por quê e não quem.: Não procure por culpados. Procure saber porque os erros ocorreram.

6. Faça do fracasso uma experiência de aprendizado.: Aprenda com os próprios erros. Cada vez que arranjamos uma desculpa, estamos deixando de nos melhorar e de reaprender.

7. Não permita que o fracasso o abata.: Se cair, aprenda com a queda e fique de pé novamente.

8. Use o fracasso como uma medida de crescimento.: A revista Fortune descobriu que as pessoas bem-sucedidas falharam uma media de sete vezes antes de se sair bem.

O futuro dos negócios vai necessitar muito mais das pessoas engajadas num projeto ou idéia.

Isso significa fazer tudo com paixão, seja servir um café com gentileza, seja formar uma aliança global.

Se você estiver vestindo o chapéu de líder, é melhor começar a defender outra causa do que o dinheiro com sua equipe. Este passa. As pessoas, sensações e as ações permanecem gravadas.

Precisa encontrar maneiras de envolver as pessoas que trabalham para você em tarefas que realmente importam.

“As pessoas querem se sentir necessárias, importantes – e ter seu talento reconhecido, é claro. Mas no fim das contas, se elas não se sentirem compromissadas com o que fazem, farão o mínimo necessário e não o suficiente para promover o crescimento delas mesmas, de seus colegas e da companhia” Mark Albion

FONTE: Gilberto Simioni - Administrador Hoteleiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário